Prefeitura e MP anunciam plano de trabalho para retirada de árvores em situação de risco

Arquivado em: Destaques,Meio Ambiente,Últimas Notícias |

Em nota oficial, no final da tarde desta quinta-feira, 11, a Prefeitura de Campina Grande informou já ter mantido entendimentos com o Ministério Público do Estado para executar um plano de trabalho, com o objetivo de remover todas as árvores da espécie Algaroba da zona urbana do município que apresentem problemas em suas estruturas orgânicas.

Segundo a nota, já existe um Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) que define parâmetros no sentido de erradicar as árvores doentes, desde que sejam cumpridas as normas técnicas recomendáveis.

A Prefeitura ainda registrou, no documento, ter havido uma interpretação equivocada, por parte de alguns veículos de comunicação, em relação ao posicionamento do MPE sobre a questão. O curador do Meio Ambiente, promotor José Eulâmpio Duarte, segundo a nota, sempre se pautou por uma postura equilibrada, firme de respeito à natureza e à vida humana.

Em nenhum momento, pontua a nota, a Prefeitura afirmou ter o Ministério Público se posicionado contrário à medida de remoção da árvore da Praça Joana D’arc, no bairro de José Pinheiro, responsável pela trágica morte de uma criança, na noite desta quarta-feira, 10.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *