Projeto Minha Árvore traz benefícios à população e deixa Campina Grande mais verde

Arquivado em: Destaques,Meio Ambiente,Minha Árvore,Notícias |

Dona_Terezinha_Medeiros_-Portal_Sudoeste O Projeto Minha Árvore continua realizando suas ações de arborização na cidade Rainha da Borborema. Dessa vez, equipes do Minha Árvore estão realizando plantios no novo Conjunto Habitacional Portal Sudoeste, mas especificamente nas quadras 51, 52, 53, 54 e 59. Lá serão plantadas mais de 60 árvores ao redor do campo de futebol. O objetivo é promover sombra para moradores e visitantes da localidade, além de evitar a colocação de lixo. A população da região, além de apoiar o projeto, criou um grupo em uma rede social para fiscalizar o proteger as mudas que estão sendo plantadas.

No Portal Sudoeste, por ser um região central, em um determinado local do conjunto, por onde não passa rede elétrica ou tubulações de água e esgotos, serão plantadas árvores de grande porte, com intuito de gerar sombra e deixar a região arborizada e mais ventilada.

Mesmo com problemas de locomoção, a dona de casa e principal entusiasta da arborização no conjunto, dona Terezinha de Medeiros Azevedo, de 78 anos de idade, foi acompanhar de perto o plantio das mudas. Além de deixar o bairro onde mora mais verde, as árvores têm um significado especial para ela, que nasceu às margens do açude de Gargalheiras, no Rio Grande do Norte. Dona Terezinha contou que pretende reviver  sua infância, com as árvores de Ipês, e deseja que seus filhos e netos desfrutem de um pedacinho do paraíso que a rua se tornará quando os Ipês criarem seus tapetes formados por pétalas de folhas de todas as cores. Projeto_Minha_Arvore_moradores_Portal_Sudoeste

Para o secretario municipal de Serviços Urbanos e Meio Ambiente (Sesuma), Geraldo Nobre, o Projeto Minha Árvore é de suma importância para a cidade de Campina Grande, visto que, já existe muita urbanização e percebe-se que as zonas verdes da cidade estão diminuindo e mais carros estão nas ruas.

Conforme o secretário Geraldo Nobre, se não for tomada uma atitude de arborização da cidade a população será refém das chamadas ilhas de calor. E sem a vegetação necessária poderão ocorrer erosões, terrenos sedimentados, enchentes e ainda ocorrer doenças respiratórias, já que as árvores, além de amenizar o clima seco, são necessárias por purificar o ar do ambiente. Além disso, ressaltou o secretário, com os terrenos arborizados a população fiscaliza e impede que seja depositado lixo perto das árvores.

O Projeto Minha Árvore já efetuou o plantio de mais de 20 mil mudas na cidade. Qualquer cidadão poderá solicitar a sua muda de árvore ornamental ou frutífera. Basta se dirigir à Coordenadoria de Meio Ambiente, localizada na rua Deputado Álvaro Gaudêncio, 278, próximo da Igreja Nossa Senhor do Carmo, área também conhecida por “Rua das Castanholas”. Outra opção é telefonar para o (83) 3341-0600.

Fonte: Codecom

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *